Em entrevista exclusiva ao Portal da Mágica, um dos mais criativos mágicos da atualidade, Rafael Baltresca, fala um pouco do seu início de carreira e dá algumas dicas paras os iniciantes. A entrevista foi realizada através de perguntas enviadas por e-mail.

Portal da Mágica – Com quantos anos você começou a fazer mágicas?
Baltresca – Acho que com uns 10 anos… talvez 8… talvez 12… não me lembro muito bem, mas era por volta dos 10. Fazia só para minha mãe e para o pessoal de casa. Tinha medo de me apresentar em público; medo de alguma coisa sair errado. Que bobeira! Depois aprendi que com muito, mas muito treino, não há o que temer.

Portal da Mágica – Há quanto tempo você é mágico profissional?
Baltresca – Há aproximadamente 6 anos comecei levar a mágica à sério. Estudando, treinando e  me apresentando.

Portal da Mágica – O que te incentivou a se tornar um mágico?
Baltresca – Nunca parei e disse: – “De agora em diante serei um mágico!”. As coisas aconteceram naturalmente. Fui, cada vez mais, me interessando pela arte mágica e quando vi, já estava me apresentando. Mágico!

Portal da Mágica – Como você aprendeu a fazer mágicas?
Baltresca – Tudo começou com meu primeiro kit de mágicas. Ahh, aquilo era tudo para mim. Tinha um cantinho em casa, no armário, onde organizava meus aparelhos mágicos. De vez em quando eu chamava minha irmã, minha mãe, para mostrar um número novo. E assim foi indo…

Portal da Mágica – Onde você buscava informações sobre mágica?
Baltresca – Quando comecei a me interessar por mágica, não havia internet. Hoje está muito mais fácil. Naquela época a única fonte de informações que uma criança de 10 anos tinha era algumas bancas no shopping ou algum amigo que sabia algo novo.

Portal da Mágica – Quem são suas referências no meio da mágica?
Baltresca – Lance Burton, Vik & Fabrini, Lennart Green, Carl Cloutier, Jay Sankey.

Portal da Mágica – Atualmente, onde uma pessoa pode buscar informações sobre a arte mágica?
Baltresca – Hoje você encontra muita coisa na internet. Muita coisa boa e, infelizmente, muita coisa ruim. A dica que dou para quem está começando é ir atrás de livros e fontes confiáveis. Isto poupará seu tempo e te guiará para o caminho certo.

Recentemente, lançamos a série “Aprenda mágicas alucinantes” Vols. 1, 2 e 3. Lá, ensinamos mágicas para iniciantes. Tudo passo-a-passo para quem quer ingressar nesta arte.

Portal da Mágica – Qual a importância de se treinar bem um efeito antes de apresentá-lo para o público?
Baltresca – Importância extrema! Você só estará pronto para se apresentar em público quando todos os detalhes do efeito, assim como a forma de se apresentar, estiverem totalmente dominados por você. E isto se dá apenas com muito, mas muito treino!

Portal da Mágica – Que técnicas você utiliza para treinar?
Baltresca – Uso a técnica da pipoca. Não conhece? É simples.

Faça um saco de pipoca, vá até a televisão mais próxima e treine, treine, treine, treine e treine mais. Quando estiver cansado, coma umas pipocas e treine mais um pouquinho.

Portal da Mágica – Na sua opinião, qual a relação entre conceito e técnica na arte mágica?
Baltresca – Os dois andam juntos, sempre. Uma boa técnica só vem através de um bom conceito. Por isso eu digo. Um bom mágico não se faz apenas diante do espelho. Ele tem que ler muito, também.

Portal da Mágica – Qual foi seu objetivo em lançar a série “Aprenda mágicas alucinantes” voltada para mágicos iniciantes?
Baltresca – Esta série, como descrito acima, foi feita com o intuito de ajudar pessoas a ingressarem na mágica. Hoje, no Brasil, o início nesta arte é muito complicado. O jovem que deseja aprender a ser mágico se sente perdido e não tem referências sérias para iniciar. Com o lançamento deste DVD, esperamos que mais mágicos se interessem por este assunto e que tenhamos, logo, um Brasil com mais artistas bons, digo, ótimos!

AprendaMágicas – Como é o mercado de atuação dos mágicos profissionais?
Baltresca – Bom e ruim ao mesmo tempo. Os mágicos têm uma nítida vantagem em relação a outros profissionais, ao mesmo tempo que compartilham de uma grande desvantagem (?!?). Explico. Temos poucos mágicos profissionais no Brasil, cerca de 200, e isto, faz com que o mercado seja bom. Muita procura, pouca oferta. Em contrapartida, o povo brasileiro não está acostumado a assistir shows de mágicas. É difícil você presenciar uma cena do tipo: “Ei pessoal, vamos assistir a um show de mágicas?”. Infelizmente esta não é nossa realidade, fazendo assim que tenhamos uma demanda baixa e uma alta oferta, mesmo com só os 200 profissionais citados acima. Vemos, então, que os profissionais bem sucedidos são aqueles que investem em preparo técnico, artístico e muita divulgação. Este é o segredo. Ter um marketing nota 100 e um show nota 1000.

Indicações:
Um livro para mágicos iniciantes: ‘Os valetes’, de Markan.
Um livro para mágicos profissionais: ‘Os 5 pontos mágicos’, de Juan Tamariz.
DVDs para mágicos iniciantes: ‘Aprenda mágicas alucinantes’, de Rafael Baltresca e ‘Aprenda cartomagia’, de Felipe Kardman.

Contato:
Rafael Baltresca
[email protected]
www.AulaShow.com

Entrevista realizada em 26/02/2007
Fonte: Redação Portal da Mágica

Coloque seu e-mail abaixo para receber gratuitamente atualizações do Portal da Mágica.

Publicidade:

Entrevista | Rafael Baltresca lançamento dvd Alucinantes

Sobre o autor
- O Portal da Mágica é um site para quem quer aprender mágica e conhecer o mundo secreto do ilusionismo.

Você pode usar essas tags e atributos HTML: <a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <s> <strike> <strong>